30 de agosto de 2015

 

enaios à Deriva

Nos dias 28 e 30 de agosto de 2015, continuaram os ensaios do espectáculo "À deriva". 
Estiveram presentes, além dos intérpretes, o encenador deste espectáculo José Carlos Garcia e ainda Ramon de los Santos e Elisa Bogalheiro, que permitiram a realização de mais dois teasers deste espectáculo.

29 de agosto de 2015

 
No passado dia 29 de agosto de 2015, a ajidanha apresentou o espectáculo OPUS nas instalações das Piscinas Municipais da Zebreira.


28 de agosto de 2015

 
No TeatroAgosto, após o espectáculo com elementos do grupo Chapitô.


27 de agosto de 2015

 

OPUS, no TeatroAgosto

OPUS, hoje estará no festival TeatroAgosto, no Fundão.

A ajidanha apresentará hoje, dia 27 de agosto de 2015, a sua nova peça de teatro, no âmbito do festival TeatroAgosto (Fundão), pelas 22h00m.

SINOPSE

Aborrecido, num determinado momento da Minha eternidade, comecei a criação de todo o universo. A Minha obra era uma sublime representação do espaço, com o domínio marcado dos conceitos básicos da natureza. Com um traço delicado e inteligente, explora a efemeridade da vida. Mas como em todas as obras, há sempre um elemento imperfeito. Tudo o que sucedeu, foi por minha culpa ou por vossa néscia culpa?Esta peça fala Dele, das suas dúvidas e angústias, na companhia de quem fez Dele, quem Ele é.


Elenco técnico e artístico


dramaturgia: criação a dez mãos* encenação: José Carlos Garciaassistência de encenação: Ana Peres e Ramón de los Santosinterpretação: Bruno Esteves e Rui Pinheirodesenho de luz: colectivocenografia: António Nunes, Maria Helena Batista e Rui Varãopirotecnia: Paulo AlmeidaCostureira: Fátima AntunesCalçado: foot zerodesign gráfico: Paula Varandasfotografia, teasers e DVD: Ramón de los Santosprodução executiva: Rui Pinheiroprodução: ajidanha


* texto da crítica de Gabriel e discurso final de Ramón de los Santos


Apoios:

Município de Idanha-a-Nova;União de Freguesias de Idanha-a-Nova e Alcafozes;Foot Zero;Pirotecnia Oleirense;Diário Digital de Castelo Branco; eIntermarché de Idanha-a-Nova.
Agradecimentos: Asta – associação de teatro e outras artes, Alexandre Fernandes, Andreia Oliveira, Artur Casanova, CCR, César Pinheiro, Elisa Bogalheiro, Fernanda Ramos, Ricardo Gonçalves, Helena e João Jóia.


PÚBLICO-ALVOGeral


CLASSIFICAÇÃO ETÁRIAmaiores de 12 anos


DURAÇÃO60 minutos


DATA DA ESTREIAIdanha-a-Nova – 10 e 11 de julho de 2015

 

TóLôNJS, em Alcafozes

Através de convite feito pela Associação Cultural e Desportiva de Alcafozes, no dia 26 de agosto de 2015, pelas 20h45m, a ajidanha apresentou no Centro Cultural daquela freguesia, o espectáculo TóLôNJS.

Este espectáculo, rebusca histórias, tradições e vivências da aldeia beirã dos Toulões. A dramaturgia deste espectáculo, é construída mediante o contributo do elenco do espectáculo, constituído por Toulonenses, contributos esses, que nos transportam para a vivência de algumas das histórias desta típica aldeia beirã… as caganitas da velha Ginja, no correio da Zebreira vem uma missiva do Vaticano para o Ti João Castelhano, o sempre divertido Ti Nico na Tasca da Ti Magra, os lobos que circundam a aldeia e após muito procurar, encontramos finalmente o Ti Salgueiro. Estas são algumas das dádivas que este espectáculo oferece.






25 de agosto de 2015

 

Oficina de teatro - pedido de participantes

A ajidanha pretende rentabilizar um dos seus projectos e gostaríamos de saber quem quer embarcar nesta aventura. 

O projeto em causa é a oficina que decorreu em março deste ano, no âmbito do fórum "Inovar na Educação" e que teve como objectivo a sensibilização para as várias áreas e artes implícitas na produção de um espectáculo de teatro (música, cenografia, figurinos, luz, som, entre outras...).
O público alvo são crianças a partir dos seis anos pelo que tentaremos promover e dinamizar o projecto com entidades que trabalhem com crianças dessa faixa etária. 
Quem quiser participar terá como função dar apoio na oficina dedicando-se a um destes sectores para que consigamos rentabilizar o tempo ao máximo e manter os nossos participantes sempre em actividade, aprendendo enquanto brincam.
Caso queiram sugerir entidades que possam estar interessadas, enviem para o e-mail: ajidanha@gmail.com.

Aguardamos a vossa resposta.


24 de agosto de 2015

 

OPUS, em Alcafozes

A ajidanha apresentará hoje, dia 24 de agosto de 2015, a sua nova peça de teatro, em Alcafozes, (Centro Cultural) pelas 21h30m.

SINOPSE

Aborrecido, num determinado momento da Minha eternidade, comecei a criação de todo o universo. 
A Minha obra era uma sublime representação do espaço, com o domínio marcado dos conceitos básicos da natureza. Com um traço delicado e inteligente, explora a efemeridade da vida. Mas como em todas as obras, há sempre um elemento imperfeito. 
Tudo o que sucedeu, foi por minha culpa ou por vossa néscia culpa?
Esta peça fala Dele, das suas dúvidas e angústias, na companhia de quem fez Dele, quem Ele é.

Elenco técnico e artístico

dramaturgia: criação a dez mãos* 
encenação: José Carlos Garcia
assistência de encenação: Ana Peres e Ramón de los Santos
interpretação: Bruno Esteves e Rui Pinheiro
desenho de luz: colectivo
cenografia: António Nunes, Maria Helena Batista e Rui Varão
pirotecnia: Paulo Almeida
Costureira: Fátima Antunes
Calçado: foot zero
design gráfico: Paula Varandas
fotografia, teasers e DVD: Ramón de los Santos
produção executiva: Rui Pinheiro
produção: ajidanha

* texto da crítica de Gabriel e discurso final de Ramón de los Santos

Apoios:
Município de Idanha-a-Nova;
União de Freguesias de Idanha-a-Nova e Alcafozes;
Foot Zero;
Pirotecnia Oleirense;
Diário Digital de Castelo Branco; e
Intermarché de Idanha-a-Nova.

Agradecimentos: Asta – associação de teatro e outras artes, Alexandre Fernandes, Andreia Oliveira, Artur Casanova, CCR, César Pinheiro, Elisa Bogalheiro, Fernanda Ramos, Ricardo Gonçalves, Helena e João Jóia.

PÚBLICO-ALVO
Geral

CLASSIFICAÇÃO ETÁRIA
maiores de 12 anos

DURAÇÃO
60 minutos

DATA DA ESTREIA
Idanha-a-Nova – 10 e 11 de julho de 2015


 

"À deriva", no Brasil

Já estão definidas as datas dos espectáculos "À deriva" a realizar no Brasil, serão:

17/09/2015: São Lourenço do Oeste - Santa Catarina;
18/09/2015: "À deriva", Pato Branco - Paraná;
21/09/2015: "À deriva", Mangueirinha - Paraná;
22/09/2015: "À deriva", Coronel Vivida - Paraná; e
24/09/2015: "À deriva", Iracemápolis - São Paulo.

21 de agosto de 2015

 

ensaios "À deriva"

Nos dias 20 e 21 de agosto de 2015, a ajidanha realizou mais ensaios de substituição para o espectáculo "À deriva". 
Os próximos ensaios, ficaram agendados para os dias 28 e 30 de agosto de 2015, com a presença do encenador José Carlos Garcia.
 

OPUS, no Ladoeiro

A ajidanha apresentará a sua nova peça de teatro, no Centro Cultural do Ladoeiro, pelas 21h30m, no próximo dia 22 de agosto de 2015.

SINOPSE

Aborrecido, num determinado momento da Minha eternidade, comecei a criação de todo o universo. 
A Minha obra era uma sublime representação do espaço, com o domínio marcado dos conceitos básicos da natureza. Com um traço delicado e inteligente, explora a efemeridade da vida. Mas como em todas as obras, há sempre um elemento imperfeito. 
Tudo o que sucedeu, foi por minha culpa ou por vossa néscia culpa?
Esta peça fala Dele, das suas dúvidas e angústias, na companhia de quem fez Dele, quem Ele é.

Elenco técnico e artístico

dramaturgia: criação a dez mãos* 
encenação: José Carlos Garcia
assistência de encenação: Ana Peres e Ramón de los Santos
interpretação: Bruno Esteves e Rui Pinheiro
desenho de luz: colectivo
cenografia: António Nunes, Maria Helena Batista e Rui Varão
pirotecnia: Paulo Almeida
Costureira: Fátima Antunes
Calçado: foot zero
design gráfico: Paula Varandas
fotografia, teasers e DVD: Ramón de los Santos
produção executiva: Rui Pinheiro
produção: ajidanha

* texto da crítica de Gabriel e discurso final de Ramón de los Santos

Apoios:
Município de Idanha-a-Nova;
União de Freguesias de Idanha-a-Nova e Alcafozes;
Foot Zero;
Pirotecnia Oleirense;
Diário Digital de Castelo Branco; e
Intermarché de Idanha-a-Nova.

Agradecimentos: Asta – associação de teatro e outras artes, Alexandre Fernandes, Andreia Oliveira, Artur Casanova, CCR, César Pinheiro, Elisa Bogalheiro, Fernanda Ramos, Ricardo Gonçalves, Helena e João Jóia.

PÚBLICO-ALVO
Geral

CLASSIFICAÇÃO ETÁRIA
maiores de 12 anos

DURAÇÃO
60 minutos

DATA DA ESTREIA
Idanha-a-Nova – 10 e 11 de julho de 2015


20 de agosto de 2015

 

adraces

Através do convite realizado pela ADRACES, no próximo dia 1 de setembro de 2015, a ajidanha irá marcar presença numa conferência organizada por esta entidade, com a presença de Rui Pinheiro, Presidente de Direcção da Ajidanha. 
Esta iniciativa será realizada nas instalações da Casa Torres Campos, em Idanha-a-Nova. 
Estarão presentes várias entidades da região.
 

cedência da carrinha

No dia 19 de agosto de 2015, foi cedida a carrinha ao sócio Rui Manuel da Silva Varão, para auxílio em mudanças.

19 de agosto de 2015

 

cenografia OPUS

Os blocos da cenografia da peça de teatro OPUS, foram novamente pintados pela sócia Maria Helena Leal Batista.

18 de agosto de 2015

 

apoio técnico - festival FESTINS

A ajidanha cedeu algum equipamento técnico de iluminação para o festival FESTINS, organizado pela Alzine.

16 de agosto de 2015

 

"À Deriva" - ensaios de substituição

No dia 16 de agosto de 2015, pelas 16 horas decorreu o primeiro ensaio com Joana Poejo, para a substituição da actriz Ana Grilo, no espectáculo "À deriva". 
Esta substituição servirá para substituir Ana Grilo aquando a sua impossibilidade por razões profissionais, na interpretação do espectáculo referido.
"À deriva" já conta com alguns espectáculos agendados até ao final de 2015. 
Os próximos ensaios ficaram agendados para os próximos dias 20 e 21 de agosto de 2015.


15 de agosto de 2015

 

apoio técnico - Lafiv

No dia 15 de agosto de 2015, a LAFIV - Liga dos Amigos da Freguesia de Idanha-a-Velha, inauguração a Casa da Amoreira - Café Restaurante. Nessa noite houve uma noite de fados. A iluminação desse espectáculo foi feita pela ajidanha.



14 de agosto de 2015

 

Já pensaste em fazer-te sócio da ajidanha?


13 de agosto de 2015

 

TEASER OPUS


11 de agosto de 2015

 

"OPUS" em Termas de Monfortinho

A Ajidanha apresentará no dia 12 de agosto de 2015, o espectáculo "OPUS", em Termas de Monfortinho (Piscinas Municipais). 
Este espectáculo será no âmbito da animação termal 2015.

SINOPSE

Aborrecido, num determinado momento da Minha eternidade, comecei a criação de todo o universo. A Minha obra era uma sublime representação do espaço, com o domínio marcado dos conceitos básicos da natureza. Com um traço delicado e inteligente, explora a efemeridade da vida. Mas como em todas as obras, há sempre um elemento imperfeito. Tudo o que sucedeu, foi por minha culpa ou por vossa néscia culpa?Esta peça fala Dele, das suas dúvidas e angústias, na companhia de quem fez Dele, quem Ele é.

Elenco técnico e artístico

dramaturgia criação a dez mãos* encenação José Carlos Garcia assistência de encenação Ana Peres e Ramón de los Santos interpretação Bruno Esteves e Rui Pinheiro desenho de luz colectivo cenografia António Nunes, Maria Helena Batista e Rui Varão pirotecnia Paulo Almeida Costureira Fátima Antunes Calçado foot zero design gráfico Paula Varandas fotografia, teasers e DVD Ramón de los Santos produção executiva Rui Pinheiro produção ajidanha

* texto da crítica de Gabriel e discurso final de Ramón de los Santos

OPUS, estreou a 10 e 11 de julho de 2015, no Estúdio Teatro da ajidanha, em Idanha-a-Nova.

PÚBLICO-ALVO Geral

CLASSIFICAÇÃO ETÁRIA maiores de 12 anos

DURAÇÃO 60 minutos


10 de agosto de 2015

 

apoio técnico da ajidanha - lafiv

No dia 15 de agosto de 2015, a LAFIV - Liga dos Amigos da Freguesia de Idanha-a-Velha, vai organizar uma noite de fados, para a cerimónia de divulgação da "Casa da Amoreira" naquela freguesia.

A ajidanha apoiará na iluminação deste espectáculo.

7 de agosto de 2015

 

Teaser OPUS Uma história de amor eterno...


6 de agosto de 2015

 

OPUS, em Aldeia de Santa Margarida

A Ajidanha apresentou no dia 6 de agosto de 2015, o espectáculo "OPUS", na Aldeia de Santa Margarida.

SINOPSE

Aborrecido, num determinado momento da Minha eternidade, comecei a criação de todo o universo. A Minha obra era uma sublime representação do espaço, com o domínio marcado dos conceitos básicos da natureza. Com um traço delicado e inteligente, explora a efemeridade da vida. Mas como em todas as obras, há sempre um elemento imperfeito. Tudo o que sucedeu, foi por minha culpa ou por vossa néscia culpa?Esta peça fala Dele, das suas dúvidas e angústias, na companhia de quem fez Dele, quem Ele é.

Elenco técnico e artístico

dramaturgia criação a dez mãos* encenação José Carlos Garcia assistência de encenação Ana Peres e Ramón de los Santos interpretação Bruno Esteves e Rui Pinheiro desenho de luz colectivo cenografia António Nunes, Maria Helena Batista e Rui Varão pirotecnia Paulo Almeida Costureira Fátima Antunes Calçado foot zero design gráfico Paula Varandas fotografia, teasers e DVD Ramón de los Santos produção executiva Rui Pinheiro produção ajidanha

* texto da crítica de Gabriel e discurso final de Ramón de los Santos

OPUS, estreou a 10 e 11 de julho de 2015, no Estúdio Teatro da ajidanha, em Idanha-a-Nova.

PÚBLICO-ALVO Geral

CLASSIFICAÇÃO ETÁRIA maiores de 12 anos

DURAÇÃO 60 minutos

4 de agosto de 2015

 

filmagem DVD "Opus"

videoNos dias 2 e 3 de agosto, realizaram-se as diversas filmagens para a edição do DVD da nova peça da ajidanha "OPUS".

Estes trabalhos contaram com a presença de Bruno Esteves e Rui Pinheiro, Paulo Vaz na técnica e Ramón de los Santos e Elisa Bogalheiro na equipa de filmagens.


3 de agosto de 2015

 

OPUS, em Aldeia de Santa Margarida

A ajidanha apresentará a sua nova peça de teatro, em Aldeia de Santa Margarida (nas instalações do Salão de Festas), pelas 21h30m, no próximo dia 6 de agosto de 2015.

SINOPSE

Aborrecido, num determinado momento da Minha eternidade, comecei a criação de todo o universo.
A Minha obra era uma sublime representação do espaço, com o domínio marcado dos conceitos básicos da natureza. Com um traço delicado e inteligente, explora a efemeridade da vida. Mas como em todas as obras, há sempre um elemento imperfeito.
Tudo o que sucedeu, foi por minha culpa ou por vossa néscia culpa?
Esta peça fala Dele, das suas dúvidas e angústias, na companhia de quem fez Dele, quem Ele é.

Elenco técnico e artístico

dramaturgia: criação a dez mãos*
encenação: José Carlos Garcia
assistência de encenação: Ana Peres e Ramón de los Santos
interpretação: Bruno Esteves e Rui Pinheiro
desenho de luz: colectivo
cenografia: António Nunes, Maria Helena Batista e Rui Varão
pirotecnia: Paulo Almeida
Costureira: Fátima Antunes
Calçado: foot zero
design gráfico: Paula Varandas
fotografia, teasers e DVD: Ramón de los Santos
produção executiva: Rui Pinheiro
produção: ajidanha

* texto da crítica de Gabriel e discurso final de Ramón de los Santos

Apoios:
Município de Idanha-a-Nova;
União de Freguesias de Idanha-a-Nova e Alcafozes;
Foot Zero;
Pirotecnia Oleirense;
Diário Digital de Castelo Branco; e
Intermarché de Idanha-a-Nova.

Agradecimentos: Asta – associação de teatro e outras artes, Alexandre Fernandes, Andreia Oliveira, Artur Casanova, CCR, César Pinheiro, Elisa Bogalheiro, Fernanda Ramos, Ricardo Gonçalves, Helena e João Jóia.

PÚBLICO-ALVO
Geral

CLASSIFICAÇÃO ETÁRIA
maiores de 12 anos

DURAÇÃO
60 minutos

DATA DA ESTREIA
Idanha-a-Nova – 10 e 11 de julho de 2015
 

carregador isqueiro


A ajidanha adquiriu um carregador de isqueiro para a carrinha, aquando a utilização do GPS nas suas deslocações.

 

gravação DVD

Nos dias 2 e 3 de agosto de 2015, foram realizadas as gravações para o DVD da nova peça da ajidanha "OPUS". 

30 de julho de 2015

 

"À deriva", no Brasil

Já estão confirmadas as cidades onde a ajidanha apresentará o espectáculo "À deriva" na sua digressão pelo Brasil, que decorrerá de 15 a 25 de Setembro de 2015.
Será elas: Pato Branco, Coronel Vivida, Mangueirinha, São Lourenço do Oeste, do Estado do Paraná e Iracemápolis, do Estado de São Paulo. 
Esta itinerância foi organizada pela Companhia Teatral Procênio, de Limeira - São Paulo, que nos irá receber.

29 de julho de 2015

 

GARGALHADAS 2015

No dia 28 de julho de 2015, foi realizada uma reunião com o Sr. António do Restaurante - Bar "O Espanhol" a fim de propor e organizar a actividade da ajidanha "Gargalhadas 2015". 
Esta noite de anedotas decorrerá naquele espaço comercial, no próximo dia 3 de outubro de 2015 e contará com a colaboração e orientação de Ana Rita Leitão, de Pombal.

Se sabes anedotas, não as guardes para ti, queremos rir contigo. 

Queremos que nos ponhas a rir à gargalhada...

No próximo dia 3 de outubro de 2015, no Restautante - Bar "O Espanhol" em Idanha-a-Nova decorrerá a primeira edição do GARGALHADAS.
Com a participação de Rita Leitão, de Pombal.
Uma noite divertida de anedotas, com prémios e muitas surpresas.

Aceitam-se inscrições de contadores de anedotas até ao dia 14 de setembro de 2015.



27 de julho de 2015

 

economia cívica

No dia 27 de julho às 11h00, teve lugar mais uma reunião da Comunidade para Economia Cívica de Idanha-a-Nova, na Escola Superior de Gestão, como habitualmente, com a seguinte ordem de trabalhos:

1. Validação do mapeamento dos Problemas, Necessidades e Desafios Societais Complexos e suas causas;
2. Estabelecimento das orientações relativas aos âmbitos e metas de Impacto Societal desejados pela Comunidade de Idanha-a-Nova para os próximos 5 anos;
3. Debate e validação da a Agenda de Inovação Societal e Mudança da Comunidade de Idanha-a-Nova;
4. Organização do Debate Público sobre a Agenda de Inovação Societal e Mudança a realizar a princípios de Setembro com a Cidadania de Idanha a Nova;
5. Participação da Comunidade de Idanha-a-Nova no Congresso da Rede de Comunidades para a Economia Cívica, a realizar a 19 de setembro (Gouveia).

A ajidanha esteve presente, como em todas as outras reuniões anteriores.

26 de julho de 2015

 

2.ª reunião PA 2015

No dia 26 de julho de 2015, foi realizada na barragem Marechal Carmona, a segunda reunião de acompanhamento
do Plano de Actividades da ajidanha 2015. 

Estiveram presentes nesta reunião, Bruno Esteves, Elisabete Gomes, Miguel José, Paulo Vaz, Pedro Grácio e Rui Pinheiro.

23 de julho de 2015

 

nova sócia

Ana Cristina Alfaro. F. Neto, é a nova associada da ajidanha, com o número 235.


22 de julho de 2015

 

in Diário Digital de Castelo Branco

16 de julho de 2015

 
in Jornal "Reconquista", do dia 16 de julho de 2015


9 de julho de 2015

 
in Jornal "Reconquista", do dia 09 de julho de 2015

8 de julho de 2015

 

estreia OPUS

Nos dias 10 e 11 de julho a ajidanha apresenta a sua nova peça "OPUS", no estúdio teatro da ajidanha.

SINOPSE

Aborrecido, num determinado momento da Minha eternidade, comecei a criação de todo o universo. 
A Minha obra era uma sublime representação do espaço, com o domínio marcado dos conceitos básicos da natureza. Com um traço delicado e inteligente, explora a efemeridade da vida. Mas como em todas as obras, há sempre um elemento imperfeito. 
Tudo o que sucedeu, foi por minha culpa ou por vossa néscia culpa?
Esta peça fala Dele, das suas dúvidas e angústias, na companhia de quem fez Dele, quem Ele é.

Ficha Técnica

Dramaturgia: criação a dez mãos * 
Encenação: José Carlos Garcia
Assistência de encenação: Ana Peres e Ramón de los Santos
Interpretação: Bruno Esteves e Rui Pinheiro
Desenho de Luz: colectivo
Cenografia: António Nunes, Maria Helena Batista e Rui Varão.
Pirotecnia: Paulo Almeida
Costureira: Fátima Antunes
Calçado: foot zero
Design Gráfico: Paula Varandas
Fotografia, teasers e DVD: Ramón de los Santos
Produção Executiva: Rui Pinheiro
Produção: Ajidanha

Agradecimentos:
Alexandre Fernandes, Andreia Oliveira, Artur Casanova, César Pinheiro, Elisa Bogalheiro, Fernanda Ramos, Paulo Vaz, Ricardo Gonçalves, Helena e João Jóia.

Apoios:
Município de Idanha-a-Nova;
União de Freguesias de Idanha-a-Nova e Alcafozes;
Foot Zero;
Pirotecnia Oleirense;
Diário Digital de Castelo Branco;
Intermarché de Idanha-a-Nova;

* texto da crítica de Gabriel e discurso final, de Ramón de los Santos


 

opus teaser # 7


5 de julho de 2015

 

lasmanos de dios teaser


This page is powered by Blogger. Isn't yours?